Pandemia: EMS contribui para instalação de lavatórios em comunidades carentes

Pandemia: EMS contribui para instalação de lavatórios em comunidades carentes

Como medida de contenção à proliferação do novo coronavírus (Covid-19), a comunidade de Heliópolis, localizada em São Paulo, recebeu seis lavatórios públicos. A iniciativa contou com o apoio da EMS, que firmou uma parceria junto à ONG Habitat para a Humanidade Brasil e com a empresa social Florescer Brasil. 

A iniciativa tem como objetivo incentivar a higienização das mãos e contribuir com a redução da propagação da Covid-19 naquela população local. De acordo com estimativa da União de Núcleos, Associações dos Moradores de Heliópolis e Região (Unas), cerca de 200 mil pessoas vivem na comunidade que, entre outras questões, enfrenta a falta de saneamento básico, fator determinante para o aumento  dos riscos de contágio do novo vírus.  

Receba nossas notícias por e-mail: Cadastre aqui seu endereço eletrônico para receber nossas matérias diariamente

Segundo informação divulgada pela EMS à equipe de jornalismo do Portal do ICTQ - Instituto de Pesquisa e Pós-Graduação para o Mercado Farmacêutico, além dessa ação em Heliópolis, a indústria farmacêutica está apoiando a instalação de outros 94 lavatórios públicos, totalizando 100 unidades, em São Paulo.  

A ideia é levar acesso à água e informações sobre prevenção para 20 comunidades em toda a cidade, selecionadas por meio de informações do Índice Paulista de Vulnerabilidade Social (IPVS). 

publicidade inserida(https://www.ictq.com.br/pos-graduacao)

Outras iniciativas  

Frequentemente, a EMS tem ganhado destaque na mídia com ações sociais em meio à pandemia. Recentemente, por meio de uma parceria com a Florescer Brasil, a indústria doou R$ 1 milhão ao Governo do Estado de São Paulo, com fins de aquisição de respiradores, monitores e insumos no combate à Covid-19. 

Outra ação da multinacional farmacêutica que causou repercussão foi no campo da ciência, por meio da doação de medicamentos a três estudos clínicos aprovados pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep) e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para avaliação da eficácia e da segurança do uso da hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com sintomas leves, moderados e graves da doença. 

Além disso, a doação de alimentos também integra as iniciativas de marketing social da EMS, que são voltadas ao combate da Covid-19 em território nacional. Até a primeira quinzena de junho de 2020, já foram doadas 110 toneladas de mantimentos para pessoas em situação de vulnerabilidade por conta da pandemia do novo coronavírus. 

Vale ressaltar ainda que houve doações de equipamentos de proteção individual (EPIs), produtos de higiene pessoal e material de limpeza, que integraram a lista de ações desenvolvidas pela empresa farmacêutica em meio à crise de saúde pública, que se instalou no Brasil e no mundo.  

Participe também: Grupo para receber notícias farmacêuticas diariamente

Obrigado por apoiar o jornalismo profissional 

A missão da Agência de notícias do ICTQ é levar informação confiável e relevante para ajudar os leitores a compreender melhor o universo farmacêutico. O leitor tem acesso ilimitado às reportagens, artigos, fotos, vídeos e áudios publicados e produzidos, de forma independente, pela redação da Instituição. Sua reprodução é permitida, desde que citada a fonte. O ICTQ é o principal responsável pela especialização farmacêutica no Brasil. Muito obrigado por escolher a Instituição para se informar. 

Veja mais materias sobre:

Farmacêutica, Indústria Farmacêutica, pandemia

Atendimento

Atendimento de segunda a quinta-feira das 08:00h às 18:00h e sexta-feira das 08:00h às 17:00h (Exceto Feriados).

Telefones:

  • 0800 602 6660
  • (62) 3937-7056
  • (62) 3937-7063

Whatsapp

Endereço

Escritório administrativo - Goiás

Rua Barão de Cotegipe nº 266, 6º andar, Caied Tower - Centro - Anápolis/GO CEP

CEP: 75025-010

Fale conosco

PÓS-GRADUAÇÃO - TURMAS ABERTAS