Anvisa alerta para risco de doença capilar após vacinação da Covid-19

Anvisa alerta para risco de doença capilar após vacinação da Covid-19

Na última sexta-feira (09/07), por meio de nota, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) emitiu uma solicitação às farmacêuticas fabricantes das vacinas contra Covid-19 Janssen e AstraZeneca para que as companhias atualizem as bulas dos imunizantes.

O comunicado determina que seja incluída a contraindicação de uso para pessoas com histórico da Síndrome de Extravasamento Capilar, evento adverso considerado raro.

Conforme publicado pelo Viva Bem, a decisão da entidade reguladora foi pautada no monitoramento do perfil de eventos adversos esperados com esses imunizantes.

Receba nossas notícias por e-mailCadastre aqui seu endereço eletrônico para receber nossas matérias diariamente

A Anvisa declarou que esse evento adverso é raro, entretanto, alertou que ele é “potencialmente grave”. Além disso, a Agência declarou que já recebeu relato de uma suspeita de síndrome após vacinação da Covid-19 e este caso está sendo analisado pela entidade.

Ainda de acordo com a nota, há casos avaliados pela agência reguladora de medicamentos da Europa que também apresentavam histórico familiar de Síndrome de Extravasamento Capilar.

publicidade inserida(https://bit.ly/3yG4fW7)

Recomendações da Anvisa

A Anvisa alerta que as pessoas que se vacinaram com os imunizantes da AstraZeneca e da Janssen devem procurar assistência médica imediata, caso sintam os seguintes sintomas:  inchaço rápido nos braços e pernas ou aumento repentino de peso nos dias seguintes à vacinação.

“Estes sintomas estão frequentemente associados à sensação de desmaio, devido à pressão arterial baixa”, explicou a Agência.

Sobre a síndrome de extravasamento capilar

No site da Anvisa, a entidade esclarece que a síndrome de extravasamento capilar é uma condição muito rara e grave que causa vazamento de fluido de pequenos vasos sanguíneos (capilares), resultando em inchaço principalmente nos braços e pernas, baixa pressão arterial, espessamento do sangue e baixos níveis de albumina, uma importante proteína do sangue.

Sendo assim, é necessário que as pessoas e profissionais de saúde fiquem atentos aos sinais e sintomas do evento adverso e notifiquem imediatamente os casos suspeitos. Além disso, é imprescindível o cuidado na identificação do tipo de vacina envolvida na suspeita, como o número do lote e o fabricante.

Alerta não invalida vacinação

O farmacêutico e professor da Pós-graduação em Farmácia Clínica e Prescrição Farmacêutica no ICTQ - Instituto de Pesquisa e Pós-Graduação para o Mercado Farmacêutico, Rafael Poloni, ressalta que esse alerta da Anvisa não invalida a importância da imunização para conter o avanço do novo coronavírus pelo Brasil.

“A própria Anvisa já alertou que os benefícios da vacinação superam os riscos, sendo assim, é importante toda a população seguir sendo imunizada. Ainda hoje, a maneira mais eficiente de se proteger contra o novo coronavírus é a imunização, associadas às medidas protetivas”, explicou Poloni.

Participe também: Grupos de WhatsApp e Telegram para receber notícias farmacêuticas diariamente..

Obrigado por apoiar o jornalismo profissional

A missão da Agência de notícias do ICTQ é levar informação confiável e relevante para ajudar os leitores a compreender melhor o universo farmacêutico. O leitor tem acesso ilimitado às reportagens, artigos, fotos, vídeos e áudios publicados e produzidos, de forma independente, pela redação da Instituição. Sua reprodução é permitida, desde que citada a fonte. O ICTQ é o principal responsável pela especialização farmacêutica no Brasil. Muito obrigado por escolher a Instituição para se informar.

Veja mais materias sobre:

ANVISA, Regulação e normas, Assuntos Regulatórios

Atendimento

Atendimento de segunda a quinta-feira das 08:00h às 18:00h e sexta-feira das 08:00h às 17:00h (Exceto Feriados).

Telefones:

  • 0800 602 6660
  • (62) 3937-7056
  • (62) 3937-7063

Whatsapp

Endereço

Escritório administrativo - Goiás

Rua Benjamin Constant, nº 1491, Centro, Anápolis - GO.

CEP: 75.024-020

Escritório administrativo - São Paulo

Rua: Haddock Lobo, n° 131, Sala: 911, Cerqueira César.

CEP: 01414-001 , São Paulo -SP.

Fale conosco

PÓS-GRADUAÇÃO - TURMAS ABERTAS