Amazon seleciona setor farmacêutico para vacinar 1 milhão de funcionários

Amazon seleciona setor farmacêutico para vacinar 1 milhão de funcionários

A Amazon deverá imunizar mais de um milhão de funcionários contra o novo coronavírus (Covid-19), em uma força-tarefa que envolverá toda a unidade de negócios farmacêuticos da companhia, a Pharmacy, liderada pelo vice-presidente de operações desse setor, Nader Kabbani.

Essa medida seria uma iniciativa que a companhia vê como extremamente importante não apenas para proteger seus colaboradores, mas também para atuar de forma efetiva no combate à pandemia, segundo informação divulgada por meio do portal Olhar Digital.

Receba nossas notícias por e-mailCadastre aqui seu endereço eletrônico para receber nossas matérias diariamente

Vale ressaltar que a gigante mundial de vendas on-line tem avançado cada vez mais no setor farmacêutico, pois, em novembro de 2020, lançou a Amazon Pharmacy, nos Estados Unidos, uma farmácia digital dentro do seu site de varejo e aplicativo, que permitem a compra de medicamentos controlados, sendo que, anteriormente, a companhia já havia adquirido a startup de farmácias PillPack, como prévia da estratégia para o segmento.

Outras iniciativas

Além de ações internas, a Amazon também chegou a oferecer ajuda ao presidente dos EUA, Joe Biden, para auxiliar na distribuição de imunizantes contra a Covid-19 em território americano.

Ainda nos EUA, em Seattle, local onde fica a sede da companhia, a Amazon anunciou a abertura de uma clínica temporária para vacinar 2 mil cidadãos de grupos prioritários, por meio de uma parceria firmada com o centro de operação de vacinas daquele país.

publicidade inserida(https://www.ictq.com.br/curso-de-farmacia)

Farmacêuticos na vacinação

Sem dúvida, ao selecionar seu departamento farmacêutico para a vacinação, a Amazon dá um exemplo ao mundo sobre como esse setor pode ser eficaz em frentes de imunização.  

Segundo o professor do ICTQ – Instituto de Pesquisa e Pós-Graduação para o Mercado Farmacêutico, Mikael Flambertto, no Brasil, farmacêuticos devem se preparar para auxiliar em campanhas de vacinação contra o novo coronavírus, pois essa demanda será necessária.

“Eles deverão, inclusive, trabalhar como vacinadores na campanha do Calendário Nacional de Imunização ou em outras iniciativas que, com certeza, irão surgir, porque o Ministério da Saúde (MS) vai precisar bastante”, explica ele.

Contudo, Flambertto, que ministra aulas do Programa de Formação e Habilitação de Farmacêuticos em Vacinação pelo ICTQ, ressalta que para isso os profissionais precisam estar devidamente preparados: “Acredito que se os farmacêuticos estiverem capacitados, eles poderão dar um respaldo enorme na imunização da população”, finaliza.

Participe também: Grupos de WhatsApp para receber notícias farmacêuticas diariamente.

Obrigado por apoiar o jornalismo profissional

A missão da Agência de notícias do ICTQ é levar informação confiável e relevante para ajudar os leitores a compreender melhor o universo farmacêutico. O leitor tem acesso ilimitado às reportagens, artigos, fotos, vídeos e áudios publicados e produzidos, de forma independente, pela redação da Instituição. Sua reprodução é permitida, desde que citada a fonte. O ICTQ é o principal responsável pela especialização farmacêutica no Brasil. Muito obrigado por escolher a Instituição para se informar.

Veja mais materias sobre:

Farmacêutica, Aplicação de Vacinas, Covid-19

Atendimento

Atendimento de segunda a quinta-feira das 08:00h às 18:00h e sexta-feira das 08:00h às 17:00h (Exceto Feriados).

Telefones:

  • 0800 602 6660
  • (62) 3937-7056
  • (62) 3937-7063

Whatsapp

Endereço

Escritório administrativo - Goiás

Rua Benjamin Constant, nº 1491, Centro, Anápolis - GO.

CEP: 75.024-020

Escritório administrativo - São Paulo

Rua: Haddock Lobo, n° 131, Sala: 911, Cerqueira César.

CEP: 01414-001 , São Paulo -SP.

Fale conosco

PÓS-GRADUAÇÃO - TURMAS ABERTAS