AstraZeneca marca data de entrega da vacina para o Brasil

Astrazeneca marca data de entrega da vacina para o Brasil

O laboratório britânico Astrazeneca marcou para janeiro a data de entrega da vacina contra o novo coronavírus ao Brasil. Inicialmente, havia a previsão de remessa para este ano ainda, mas por questões de logística a empresa optou por entregar o primeiro lote no começo de 2021, informou o Estadão.

O contrato de entrega das vacinas contra a Covid-19 com o governo brasileiro contou com a intermediação do governo do Reino Unido, apurou o jornal. A previsão inicial era de que as 100,4 milhões de doses previstas para o País começassem a chegar até o final do ano, mas, temendo não cumprir prazos, a Astrazeneca estendeu para janeiro a entrega do primeiro lote. A expectativa é que em dezembro a empresa tenha mais detalhes sobre o andamento de sua produção e logística.

No acordo está previsto que a Astrazeneca entregue lotes de 15 milhões de vacinas para o Brasil por mês, permitindo que a encomenda esteja completa em julho de 2021. De acordo com o vice-presidente de Produção e Inovação em Saúde da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Marco Krieger, o compromisso garante a inexistência de obtenção de margem de lucro para a empresa ou para a Fiocruz até meados do ano que vem. Ele destacou que o preço de US$ 3,16 (R$ 18,14) por dose é considerado um dos mais baratos levando em conta outras negociações em curso no mundo.

publicidade inserida(https://sibrafar.com.br/)

Depois do acordo firmado ainda em setembro, as partes definiram que as tratativas serão retomadas em meados de dezembro. O governo brasileiro queria, no entanto, já garantir a independência da produção domesticamente. “Não é assim que funciona. A transferência (de tecnologia) vai acontecer, mas essa conversa foi adiada para dezembro”, explicou uma fonte ao Estadão.

Na quarta-feira (28/10) a Fiocruz divulgou os termos do contrato, após ter encaminhado o documento na segunda-feira à Câmara dos Deputados. Pelo documento apresentado, a fundação terá total acesso à tecnologia ao final do contrato, o que dará à Fiocruz autonomia para produzir a vacina sem estar mais vinculada à Astrazeneca, que desenvolve suas pesquisas em parceria com a Universidade de Oxford.

A fonte do jornal explicou, porém, que uma nova negociação sobre como se dará essa transferência de conhecimento será necessária para que haja acertos dos detalhes.

Segundo a Fiocruz, ela terá capacidade de produzir mais 110 milhões de doses por conta própria a partir do final de 2021.

Receba nossas notícias por e-mail: Cadastre aqui seu endereço eletrônico para receber nossas matérias diariamente

Com acordos firmados junto a vários governos do mundo, a produção da vacina da Astrazeneca começou mesmo antes da certificação de que o imunizante será eficiente. É justamente por causa dos contratos com os países que a empresa vem tendo condições de iniciar sua produção, que será vendida, inicialmente, a preço de custo, apurou o Estadão.

As pesquisas da Astrazeneca estão na fase 3 dos estudos clínicos e recentemente foi informado que a resposta da vacina a idosos foi positiva, colocando-a como uma das mais promissoras em todo o mundo.

Participe também: Grupos de WhatsApp e Telegram para receber notícias farmacêuticas diariamente

Obrigado por apoiar o jornalismo profissional

A missão da Agência de notícias do ICTQ é levar informação confiável e relevante para ajudar os leitores a compreender melhor o universo farmacêutico. O leitor tem acesso ilimitado às reportagens, artigos, fotos, vídeos e áudios publicados e produzidos, de forma independente, pela redação da Instituição. Sua reprodução é permitida, desde que citada a fonte. O ICTQ é o principal responsável pela especialização farmacêutica no Brasil. Muito obrigado por escolher a Instituição para se informar.

Veja mais materias sobre:

Farmacêutica, Indústria Farmacêutica, Covid-19

Atendimento

Atendimento de segunda a quinta-feira das 08:00h às 18:00h e sexta-feira das 08:00h às 17:00h (Exceto Feriados).

Telefones:

  • 0800 602 6660
  • (62) 3937-7056
  • (62) 3937-7063

Whatsapp

Endereço

Escritório administrativo - Goiás

Rua Benjamin Constant, nº 1491, Centro, Anápolis - GO.

CEP: 75.024-020

Escritório administrativo - São Paulo

Rua: Haddock Lobo, n° 131, Sala: 911, Cerqueira César.

CEP: 01414-001 , São Paulo -SP.

Fale conosco

PÓS-GRADUAÇÃO - TURMAS ABERTAS