Cosméticos e dermocosméticos: diferenças que o farmacêutico deve conhecer

Cosméticos e dermocosméticos: diferenças que o farmacêutico deve conhecer

Em estética, o termo cosmético é bem usual e conhecido por pacientes e farmacêuticos. Mas, será que o mesmo ocorre com os dermocosméticos? As palavras vêm do campo da Cosmetologia, mas têm definições e aplicações diferentes.

Ter amplo conhecimento sobre elas é essencial para que o farmacêutico esteta consiga dar a melhor assistência aos pacientes.

Para trazer clareza sobre o tema, a equipe de jornalismo do ICTQ - Instituto de Pesquisa e Pós-Graduação para o Mercado Farmacêutico conversou com o especialista em Farmácia Estética e Análises Clínica, Pedro Sousa.

Receba nossas notícias por e-mailCadastre aqui seu endereço eletrônico para receber nossas matérias diariamente

Sousa, que também é coordenador da pós-graduação em Farmácia Estética Clínica do ICTQ, pontuou as particularidades e finalidades de cada tipo de produto. Confira:

O que são dermocosméticos?

Sousa explica que os dermocosméticos trazem ativos farmacológicos em sua composição, e têm foco principalmente na saúde da pele.

Além disso, esses produtos têm outro importante destaque que os diferencia dos cosméticos: costumam ser hipoalérgicos.

“Geralmente, eles não trazem corantes, perfumes e conservantes em sua composição, por isso têm pouquíssimo risco de causar alergias e irritações na pele”, explica Sousa.

Qual o uso dos dermocosméticos?

De acordo com o especialista, devido às substâncias presentes na formulação dos dermocosméticos, eles podem ser usados em diferentes tratamentos dermatológicos, como, por exemplo, redução de rugas, manchas e flacidez.

Acrescenta-se ainda tratamento e prevenção de olheiras, oleosidade do rosto, celulite, entre outras disfunções estéticas.

Os ativos dos dermocosméticos atuam além da superfície da pele, penetrando profundamente nas camadas, nutrindo, tratando ou prevenindo problemas dermatológicos.

No entanto, para obter os resultados em longo prazo, o paciente precisa seguir os tratamentos corretamente. 

Eficácia e segurança dos dermocosméticos

O farmacêutico pontuou outro atributo particular dos dermocosméticos que, segundo explicação, é uma classe de produtos que passa por testes e pesquisas que servem para comprovar cientificamente a eficácia e segurança de suas formulações.

Nesse caso, por agir diretamente na causa do problema, esses produtos são considerados de grau 2 pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e necessitam de aprovação da entidade para terem seu uso e comercialização liberados no Brasil. Dessa forma, eles passam por um longo processo de pesquisas e ensaios clínicos até ter o registro aprovado pela entidade.

O que são cosméticos?

Quanto aos cosméticos, Sousa explica que possuem ação complementar a dos dermocosméticos. Esses produtos agem nas primeiras camadas da pele e provocam mudanças imediatas, no entanto, são apenas momentâneas.

“Por exemplo, se você possui olheiras e manchas no rosto, utilizar uma base e um corretivo pode garantir uma aparência muito mais uniforme, no entanto, ao retirar os produtos, as marcas ainda estarão lá”, exemplificou.

Qual o uso dos cosméticos?

Sousa explica que, enquanto os dermocosméticos tratam a fim de reduzir ou eliminar o problema em longo prazo, os cosméticos possuem uma ação imediata, mas passageira, ou seja, seu uso altera a aparência apenas pelo período em que os produtos estão aplicados sobre a pele.

Além de produtos de maquiagem, há ainda cosméticos com a finalidade de hidratar, perfumar e limpar a pele e cabelos, como xampus e cremes. Além disso, podem ser aplicados após o uso de dermocosméticos, complementando o tratamento estético.

Eficácia e segurança dos cosméticos

Outro atributo dessa classe de produtos é que os cosméticos não necessitam comprovar sua segurança e eficácia. Isso ocorre porque os componentes presentes na formulação do cosmético não necessitam de comprovação científica. Logo, não necessitam de registro da Anvisa.

Saiba mais sobre atuação do farmacêutico com dermocosméticos e cosméticos

A atuação do farmacêutico com dermocosméticos e cosméticos é um dos temas estudados pelos alunos da pós-graduação em Farmácia Clínica e Prescrição Farmacêutica do ICTQ.

Em aula, o professor Alipio Carmo aprofunda sobre o campo da Cosmetologia, explorando as definições de cosméticos, dermocosméticos e destaca os estudos sobre a pele, tipos de pele e os diferentes tratamentos que são utilizados para atender às necessidades dos pacientes.

Ele ressalta a importância do farmacêutico esteta ter conhecimento na área, para, assim, prestar a assistência de forma segura e eficaz, pois, dada a ampla diversidade de produtos disponíveis no mercado, é essencial conhecer as particularidades deles, da pele e dos objetivos do paciente, para não expô-lo a qualquer risco.

“Precisamos ter um melhor controle e cuidado do paciente, pois ao prescrever um determinado dermocosmético ou cosmético, nós poderemos aliviar alguns sintomas ou piorá-los, dependendo da situação”, alertou.

Confira, abaixo, um dos vídeos que faz parte do curso oferecido pelo ICTQ, que trata sobre como é a atuação do farmacêutico na prescrição de cosméticos e dermocosméticos.

Participe também: Grupos de WhatsApp e Telegram para receber notícias farmacêuticas diariamente..

Obrigado por apoiar o jornalismo profissional

A missão da Agência de notícias do ICTQ é levar informação confiável e relevante para ajudar os leitores a compreender melhor o universo farmacêutico. O leitor tem acesso ilimitado às reportagens, artigos, fotos, vídeos e áudios publicados e produzidos, de forma independente, pela redação da Instituição. Sua reprodução é permitida, desde que citada a fonte. O ICTQ é o principal responsável pela especialização farmacêutica no Brasil. Muito obrigado por escolher a Instituição para se informar.

Veja mais materias sobre:

Dermocosméticos, estética, cosméticos

Atendimento

Atendimento de segunda a quinta-feira das 08:00h às 18:00h e sexta-feira das 08:00h às 17:00h (Exceto Feriados).

Telefones:

  • 0800 602 6660
  • (62) 3937-7056
  • (62) 3937-7063

Whatsapp

Endereço

Escritório administrativo - Goiás

Rua Benjamin Constant, nº 1491, Centro, Anápolis - GO.

CEP: 75.024-020

Escritório administrativo - São Paulo

Rua: Haddock Lobo, n° 131, Sala: 911, Cerqueira César.

CEP: 01414-001 , São Paulo -SP.

Fale conosco

PÓS-GRADUAÇÃO - TURMAS ABERTAS